Letters* My great enemie

Hi, my friends!
Pois é, hoje foi dia de eleição! A coisa mais linda do mundo é ver a cidade toda poluída, nesse dia. Depois reclamam das enchentes! Sem contar, aquele povo tentando influenciar voto, descaradamente. Época de eleição é mágica, todo mundo fica bonzinho *-* Depois dizem que vivemos em uma civilização. Os povos primitivos eram mais organizados e menos falsos! Que revolta que dá :@ (postei isso no Face).
Nossa... e ainda por cima, elegeram vereadores que só por Deus...
Bom, muita gente quis votar nulo como protesto, mas sabe o que eu acho? Que devemos ir tentar mudar um pouco essa história de corrupção. E se não votarmos, não teremos direito de reclamar de nada! Além do mais, muitas pessoas lutaram e morreram para que nós pudéssemos votar! Sobretudo, as mulheres. A coisa está feia, mas fui lá e votei no candidato que a meu ver, era menos pior. Todo ser humano é falho, é muito fácil falar dos outros, o difícil é estar na pele da alteridade. Portanto, acho que cada um tem que seguir seus valores, respeitar os outros e exercer a função-cidadão.
Mas, não é sobre eleição que vim falar hoje...
Vim falar sobre o meu maior inimigo. Eu mesma.
Chega de mimimi, chega de fazer corpo mole diante das adversidades que eu mesma criei! Eu sempre crio obstáculos em minha vida, eu sempre acabo me fazendo de vítima. Eu sempre acabo cedendo.
Cansei disso! Nessa batalha, serei persistente! Até mesmo na escuridão, é possível achar a luz! Nos momentos mais difíceis e mais tristes, é que nos tornamos mais fortes, crescemos e aprendemos. Me lembro daqueles filmes de aventura/ação em que há um mestre dificultando a vida dos aprendizes, para que eles possam aprender certas coisas. Acho que na vida, é exatamente isso que ocorre! Aprendemos sofrendo, precisamos da escuridão para poder enxergar além. É duro, é sim... dói demais, arrebenta a alma, dilacera o coração, dá desespero... Mas no fim, é bom!
Depois, você olha para trás e agradece por tudo o que enfrentou! Você aguenta! Pode apostar!
É tentador deixar-se cair no chão e ficar lamentando porque as coisas não dão certo. É muito mais fácil ceder à depressão e desistir de tudo.
Quero ver levantar do chão e seguir em frente! Falo isso, porque demorou bastante tempo para que eu me desse conta, de que não posso mais me deixar abalar tanto!
Eu sou minha maior inimiga, porque eu mesma me deixo ficar mal. Não quero mais isso! Vou me enfrentar. Serei como uma guerreira forte e poderosa, passarei por cima de cada obstáculo que surgir. Vencerei as minhas maiores fraquezas e ultrapassarei meus limites. Sofrendo, sim. Mas, não deixando que esse sofrimento me destrua. 
Existe algo em mim, agradeço a Deus por ter isso....A capacidade de retirar algo bom das situações mais terríveis e, de sempre enxergar o que as pessoas tem de melhor.
Já passei por muita coisa difícil, estou passando mais uma vez... Mas, sei que é necessário.
Sou um diamante que está sendo lapidado, uma soldada sendo treinada...
E o mais importante: Deus está comigo!
Nunca fui o tipo de pessoa que desiste fácil, sempre lutei para conquistar meus objetivos com muita garra e determinação e não vou deixar que NINGUÉM (nem eu mesma) me derrube!
Pois é :') Be Strong.








Nenhum comentário:

Postar um comentário